16.8 C
Belo Horizonte
ter, 18 junho 24

Lançamento do disco “Submersa” de Lica Del Picchia

Após divulgar dois singles audiovisuais no último mês, a artista mineira apresenta seu primeiro trabalho de estúdio, lançado pelo selo LOCO Records, nesta quinta, 3 de agosto

Lica Del Picchia, nome já conhecido da cena de música independente belo-horizontina enquanto vocalista da banda Cayena, a artista apresenta ao público sua estreia com um álbum solo na próxima quinta-feira, dia 3 de agosto.

Antecipado pelos singles e videoclipes de “Te Quero Mais”, em parceria com Mac Julia,  e “Realité /// Inteiro”, o lançamento de “SUBMERSA” chega agora a todas as plataformas e também ao YouTube, onde todas as faixas são acompanhadas de visualizers.

Íntimo, mas com escoamento universal sobre as densidades da vida, o álbum audiovisual traz nove músicas que conduzem uma narrativa confessional em torno das dores, confusões, amores e sensualidades descobertas pela cantora nos últimos três anos, período em que a obra foi criada e produzida.

Com produção de João Myrrha, “SUBMERSA” afirma uma trama sonora que transita entre o orgânico e o eletrônico. Referenciando tanto nomes da música popular brasileira veterana (como Milton Nascimento, Gal Costa, Gil e Rita Lee), quanto nomes contemporâneos do indie e do pop (como Céu, Tim Bernardes, Jadsa e Rosalía), Lica Del Picchia oferece um cartão de visitas sinestésico, plural e consciente de si, para seus passos como artista solo.

SUBMERSA

Transitando de forma fluida com a MPB, o eletrônico, o pop e o rock, Lica se apresenta sem medo de falar de assuntos densos como a perda, a morte e a dor.

“Lica é primeiro poeta antes de ser cantora. Aprendi a escrever pra poder falar de amor. Mas também descobri nesse disco a minha capacidade de falar sobre tesão, explosão, raiva e caos”, revela a artista.

Gravado durante três anos, em um processo dividido em três partes, o álbum de estreia da cantora foi realizado de forma 100% independente. As composições, nascidas do período pandêmico de reclusão, discorrem um dos motes principais de “SUBMERSA”: o olhar para si mesma como questionamento de verdades absolutas e de reformulações vitais para o autoconhecimento — uma diretriz que Lica anuncia pontualmente já no próprio título.

“É sobre respirar melhor debaixo d’água. Só conseguimos andar, realizar, transformar algo quando imergimos naquilo, nos entregamos. Por isso ‘mergulhar’ é nossa maior chance de sobrevivência. Não falta vida nessas veias’…”, explica Lica, evocando o interlúdio presente entre o lado A e o lado B da trajetória de renascimento do registro.

Partindo do pessoal para alcançar a coletividade, o trabalho se consolidou com o apoio de muitas mãos em ligação afetiva com a artista. Após passar por uma imersão de 10 dias no interior de MG para polir os conceitos sônicos e gravar as bases instrumentais, a artista contou com a participação especial de Mac Júlia e também com a colaboração dos instrumentistas Bruna Vilela, Caio Bikari, Lucas Andrade e Rodolfo Buarque, já em Belo Horizonte. Os vocais, por fim, foram gravados na Galeria Resistor (BH).

A produção do disco é assinada por João Myrrha (Cayena, Rádio Êxodos…), que também é responsável pela gravação, em seu home studio (Iolanda Studios), da maioria dos instrumentos, como guitarras, baixos, bandolim, beats e sintetizadores.

A mixagem ficou a cargo de  CIDO (MGZD) e a masterização é assinada por Lucas Leone (CHK Mastering). A distribuição e o lançamento de “SUBMERSA” são pelo selo LOCO Records.

ENXERGANDO DEBAIXO D’ÁGUA

Se, por um lado, toda a narrativa sonora do disco foi desenvolvida ao longo de três anos, por outro, Lica Del Picchia se entregou à missão homérica de capturar a dimensão visual da obra em três dias.

Mais uma vez, munida da coletividade, a multiartista produziu todos os visualizers de “SUBMERSA” com um grande time sob a direção de Danilo Teles (que também assina a capa do álbum), Paula Alencar e Raquel Ladeira, na locação do Galpão Cine Horto em BH. Ampliando as camadas sensíveis do mergulho, os audiovisuais de “Submersa” chegam ao público com a mesma intimidade emotiva, a artesania estética e a escrita de si que Lica propõe em seus caminhos sônicos e líricos, elaborando ainda outros insights de pulsão e criação em meio à falta de ar.

LICA DEL PICCHIA

Lica Del Picchia é um dos nomes mais expressivos da nova cena de música independente belo-horizontina. Tendo despontado em 2015 como vocalista à frente da banda Cayena, com a qual lançou dois álbuns, ela já colaborou com diversos artistas da capital mineira, do rock à MPB. Em 2020, lançou seu primeiro single em formato solo, a faixa “Coragem” com participação de Hugo Zschaber (OGU, ex-Lamparina). Em 2023, a cantora, compositora, autora e produtora de 26 anos faz a sua estreia solo com o disco audiovisual “SUBMERSA”. Precedida pelos videoclipes “Te Quero Mais”, em parceria com Mac Júlia, e “Realité”, a obra imprime ao pop uma densidade refrescante que bebe do experimentalismo com diversos gêneros musicais, elementos sonoros eletrônicos e poesia.

Redes Sociais Lica Del Picchia:

Instagram: https://www.instagram.com/licadelpicchia/
E-mail: [email protected]

Spotify: https://open.spotify.com/intl-pt/artist/7FNk8Ucn7Nab1tdGgzr9Ro
Bandcamp: https://licadelpicchia.bandcamp.com/

Facebook: https://www.facebook.com/licadelpicchia
Twitter: https://twitter.com/licadelpicchia

Posts Relacionados

“Paco Pigalle: La Fiesta” chega à sua terceira edição em BH

“Paco Pigalle: La Fiesta” ganha sua terceira edição em...

Projeto social impulsiona futebol feminino e transforma vidas

Um projeto em Minas Gerais vem se destacando por...

João Ventura em Belo Horizonte no Clube de Jazs

O pianista, cantor e compositor João Ventura se apresentará...

Começa o Festival do Queijo Artesanal de Minas

Teve início nesta quinta-feira (13/6), a 6ª edição do...

Fernando e Sorocaba levam o Churrasco On Fire para Betim

A dupla Fernando e Sorocaba desembarca na cidade de Betim,...

Novidades

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui