Hans Landim lança o bloco Banho de Xêro no Carnaval 2021

0
509

Show de estreia será exibido online no dia 13 de fevereiro

O artista gravou um show fechado para ser exibido no Canal Universitário de BH e na plataforma Youtube.  “Não será uma live, mas um autêntico show de carnaval”, esclarece. Uma compensação para os dedicados foliões, uma vez que este ano não haverá desfiles de escola de samba nem blocos nas ruas.

O repertório reúne as canções Prefixo de verão (Beto Silva), Acima do sol (Samuel Rosa e Chico Amaral), Di Saquê e Roçar teu pelo (Hans Landim), Beija-flor (Xexéu e Zé Raimundo), Eu também quero beijar (Pepeu Gomes),  Baianidade Nagô (Evandro Rodrigues), Circulou (Magary Lord, Fábio Alcântara e Leonardo Reis), Colorir papel (Levi Lima), Meu Love é glitter (Pedro Thiago e Leopoldina Azevedo), We are the world of Carnaval (Nizan Guanaes), Maimbê Dandá (Carlinhos Brown e Mateus Aleluia) e Eva (Umberto Tozzi).

O talento musical e performático de Hans Landim

Hans Landim prefere apresentar-se como um artista pop. Por duas razões primordiais: em suas referências e preferências, ele não privilegia determinado artista ou gênero, mas pesquisa, absorve e combina uma diversidade de tendências, contemporâneas e passadas; e, não menos relevante, por sua delibrada inclinação ao experimentalismo sonoro, à criação visual e à performance.

“Sou um artista performático e experimentador”, define-se Landim que, além de compor e cantar, toca violão e instrumentos de percussão. Essa múltipla criatividade do artista belo-horizontino está registrada em seu mais recente videoclipe, “Di Saquê”, gravado em 2020, em Belo Horizonte, com a participação de um corpo de bailarinos. “Di Saquê” é um reggaeton romântico temperado com o balanço do ritmo africano kuduro e a versatilidade do rap. A batida sonora vem muito bem acompanhada de coreografia e figurinos, outros atributos marcantes da personalidade artística de Hans Landim.

Com “Di Saquê”, Landim contabiliza quatro singles lançados nos ambientes virtuais. Os outros são: “A me confrontar”, uma canção intimista e reflexiva, mas cheia de balanço e sonoridade expressiva; “Cafuné Café”, balada sobre o desfrutar de um amor tranquilo; e a sensual e provocativa “Roçar Teu Pelo”, que junta guitarra paraense com castanholas. Todas as músicas já devidamente transformadas em clipes. Elas podem ser ouvidas e assistidas nas plataformas digitais e no Youtube.

Planos para o futuro

O artista continua lapidando suas canções, preparando-as para gravação e produção de clipes. Sua proposta é lançar uma canção a cada mês e depois reuni-las em um disco de vinil.

Bloco Banho de Xêro – Hans Landim

13 de fevereiro – 20 horas

Assista:

https://www.youtube.com/channel/UCmBuLev4dz6NUi1L00hnkiA

Canal Universitário de BH, exibido no 12 da Net:

www.youtube.com/channel/UC3HNOZ9zOHgTvpy30p6kH4w

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here