Rede Conexão Mulher lança segunda edição da Revista Conecta

0
680

Empreendedorismo feminino na Amazônia, maternidade e ajuda mútua entre mulheres, são alguns dos destaques abordados na segunda edição da revista mundial.

A rede mundial de empreendedorismo feminino, Rede Conexão Mulher (RCM), lançou, no último dia 8 de maio, a segunda edição da Revista Conecta, primeira revista mundial com foco em empreendedorismo feminino.

Na edição recém-lançada, a matéria de capa “Como é a Mulher Amazônida?”  abordou o empreendedorismo feminino na região da Amazônia e mostrou como a mulher amazônida, mesmo com todas as peculiaridades da região, gera renda e movimenta a economia local. A matéria traz ainda os bastidores do documentário, “Rotas da Amazônia”, produzido pela empresária e administradora Antoniella Castro, que se dedicou em mostrar a jornada de propósito construída pelas mulheres do Marajó.

“O objetivo da Revista Conecta é mostrar a vida de mulheres empreendedoras ao redor mundo e fazê-las se conectarem por meio da experiência de cada uma delas”, afirma a editora da revista, Maiza Silva. “A Conecta é uma publicação feita por e para mulheres de verdade, que estão escrevendo a história do empreendedorismo feminino no mundo”, elucida.

A atriz e produtora, Samara Felippo, também faz parte desse projeto. Em sua coluna, “Maternidade na Veia”, Samara fala sobre como é maternar de forma natural, sem mistificações e conta como é o dia a dia das filhas Alicia (11) e Lara (6). Temas como empoderamento feminino e resiliência também estão presentes na coluna da atriz.

O Grupo Filhas de Farani, rede de ajuda mútua entre mulheres, também esteve presente na segunda edição da Revista Conecta. A comunidade, que acabou de completar um ano, recebeu destaque pelo trabalho desenvolvido nesse período e também por ajudar outras mulheres a se adaptarem com as plataformas digitais e superar as dificuldades causadas pela pandemia da covid-19.

Uma plataforma digital formada por mulheres imperfeitas

A Rede Conexão Mulher conta com mais de 12 mil seguidores no Instagram e possui uma média de alcance em 1.632 contas por semana. A RCM já possui diversas embaixadoras espalhadas pelo mundo, localizadas em países como os Áustria, Brasil, Estados Unidos, Inglaterra e Portugal.

Com a missão de transformar tanto a vida pessoal quanto profissional das mulheres empreendedoras do mundo, a RCM apoia e incentiva mulheres a empreender, principalmente no universo online.

“Parece até a Bossa Nova! Assim como o movimento musical que encantou o planeta no final dos anos 50, a Rede Conexão Mulher saiu do universo carioca e ganhou mundo. O Dia é 8 de março de 2018, uma data histórica para todas nós. Um dia de comemoração e lembrança a quem reescreveu a história do empoderamento feminino. É isso mesmo, no dia Internacional da Mulher, nasce a Conexão Mulher Empreendedora, uma rede pensada para conectar mulheres de negócios”, conta a idealizadora do projeto, Catarina Coelho.

Segundo ela, “um projeto que era apenas um sonho vivo dentro do coração, se mistura ao acaso. Uma bagagem que foi carregada de um país para outro. Em cada viagem com destino a esses dois países, um pedacinho da Rede foi construído junto à tantas outras mulheres que precisavam se conectar e alçar voos mais altos. Chegamos tímidas! O primeiro evento foi modesto e sem planejamento, mas, importante o suficiente para reunir vinte e três mulheres num restaurante em Lisboa. Estava certo! Começava ali um caminho novo a trilhar”.

“Entre idas e vindas, um ano se passou e o propósito da Conexão se tornou grande demais para caber numa só definição. Foi assim que a então Conexão Mulher Empreendedora passou por um rebranding e se transformou na Rede Conexão Mulher. O empreendedorismo feminino é nossa maior bandeira, está na nossa veia, porém, percebemos a necessidade e a importância de reformular nossa marca. Precisava caber nela todo o poder que só uma rede de mulheres conectadas tem, a competência para fazer o que é diferente. Somos mulheres, somos emoção e também razão. Somos companheiras. A sua, a nossa Rede Conexão Mulher, que, como a Bossa Nova, embala o sonho de milhares de mulheres empreendedoras espalhadas mundo afora”, finaliza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here