21.4 C
Belo Horizonte
dom, 25 fevereiro 24

“Travessia” ganha nova versão de Danilo Caymmi

Single chega às plataformas dia 12 e anuncia o lançamento do álbum “Danilo Caymmi Andança 5.5”

Travessia é o primeiro álbum do cantor e compositor Milton Nascimento. Bituca é acompanhado pelos músicos do Tamba Trio. Foi lançado em LP em 1967. A canção que dá nome ao álbum conquistou o segundo lugar no Festival Internacional da Canção de 1967 realizado no Maracanazinho

Danilo Caymmi lança uma nova versão para “Travessia”, clássico do repertório de Milton Nascimento. O single anuncia o lançamento do álbum “Danilo Caymmi Andança 5.5”, novo projeto do músico, cantor e compositor de nobre linhagem musical.

O álbum, a ser lançado em 26 de janeiro, é uma espécie de trilha sonora da trajetória musical de Danilo Caymmi e traz no título um de seus maiores sucessos, “Andança”, parceria com Edmundo Souto e Paulinho Tapajós. O repertório foi selecionado a partir de uma pesquisa do músico e produtor Flávio Mendes, e reúne canções do entorno dos Festivais da Canção do final dos anos 1960.

“Travessia” fez Milton Nascimento despontar no Festival Internacional da Canção de 1967, e agora volta em nova versão de Danilo Caymmi. “Foi através de ‘Travessia’ que eu conheci o Milton. É uma canção desafiadora para um intérprete e a gente optou por gravá-la da forma como eu tenho feito, ultimamente: gravo primeiro voz e violão, e depois os demais instrumentos. Acho que o arranjo ficou bonito, tenho certeza de que o Milton também vai gostar”, pontua Danilo.

Desde o começo de sua carreira, ainda como músico, o caçula de Dorival Caymmi já tocou com inúmeros artistas das Minas Gerais, como Wagner Tiso, Beto Guedes, Toninho Horta, Lô Borges e o próprio Milton, o carioca mais mineiro da música brasileira. “Tive o prazer de tocar no primeiro disco do Milton Nascimento, de 1967, nos solos de flauta da música ‘Catavento’. É um disco belíssimo, tenho muito orgulho de ter participado dele”, conta Danilo.

A capa do single “Travessia” reproduz um óleo sobre tela de Danilo Caymmi, que também herdou do pai o talento para as artes plásticas.

O álbum, que chega no final de janeiro, reúne “Sabiá”, “Pra não dizer que não falei das flores”, “Pra dizer adeus”, “Eu a Brisa” e “Viola Enluarada”, entre outros clássicos.

Posts Relacionados

Aulas de Cozinha Interativa do Senac neste sábado

A Faculdade de Gastronomia do Senac em Belo Horizonte,...

Para o Dia da Ressaca, receita de Mocotó do Divino

A receita leva ingredientes de baixo custo que ainda...

Portugal recebe Fartura Brasil, primeira edição do ano

Desde 2017, o Fartura – Gastronomia do Brasil passou...

Vila Galé participa de roadshow na Espanha

A Vila Galé iniciou nesta segunda-feira (19) um roadshow...

Elba Ramalho e Geraldo Azevedo em show gratuito

O Sesc Mesa Brasil Musical, projeto que une música...

Novidades

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui