20.8 C
Belo Horizonte
qui, 22 fevereiro 24

Acupunturista se especializa com crianças Autistas e Down

Marcelo Stehling usa a técnica sem agulha como parte da terapia multidisciplinar para melhorar a cognição, as características típicas e o desenvolvimento dos pacientes

Os benefícios da acupuntura vão muito além da diminuição de dores, tratamento de disfunções psíquicas, hormonais e físicas e outras doenças. A técnica da Medicina Tradicional Chinesa (MTC), que promove o equilíbrio energético por meio de aplicações de agulhas, sementes, laser e até pastilhas de silício, também tem se mostrado uma excelente ferramenta dentro de tratamento multidisciplinar, para promover bem estar e estimular o desenvolvimento físico e cognitivo de crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e com síndrome de Down, segundo o acupunturista Marcelo Stehling, que há mais de 20 anos atende pacientes neurodivergentes.

Stehling se especializou em acupuntura há 24 anos, e dois anos depois descobriu a eficácia da técnica na terapia de crianças atípicas ao atender o primeiro paciente de Down. “Depois do primeiro atendimento vieram os outros e não parei mais”, afirma o acupunturista, que já tem mais de 300 casos registrados. O atendimento é feito na Casa Ninho, clínica especializada em desenvolvimento global de crianças e adolescentes em Juiz de Fora, Minas Gerais. Stehling também ministra cursos pelo Brasil, compartilhando seus conhecimentos e experiência.

O especialista ressalta que a Medicina Tradicional Chinesa, integrada à terapia multidisciplinar e acompanhamento médico, ajuda a melhorar as condições características, disfunções e outras patologias inerentes a Down e TEA, que possuem fatores congênitos e não têm cura.

Stiperterapia: indicado para Autistas – O Transtorno do Espectro Autista ou autismo se refere aos distúrbios no desenvolvimento neurológico, caracterizado por algum grau de comprometimento no comportamento social, na comunicação e na linguagem.

A intervenção com a acupuntura não é um avanço dos tempos modernos. “Registros da Medicina Tradicional Chinesa mostram que o autismo já era tratado há mais de 5 mil anos”, explica o acupunturista. A patologia é descrita como a Síndrome dos Cinco Atrasos, cujas características seriam associadas ao desequilíbrio energético dos órgãos e vísceras – baço-pâncreas, rins, fígado e coração.

Em autistas que apresentam sensibilidade à dor, ao toque e etc, os pontos são estimulados com as pastilhas Stiper (silício) ou laser, em vez das agulhas. Entre os benefícios verificados com as aplicações, Stehling destaca a redução de muitos sintomas característicos, maior tolerância a ruídos, noites de sono menos agitados, diminuição da enurese noturna, redução da fala repetitiva e estereotipias. “Ao deixar o paciente mais calmo, a acupuntura, juntamente com a orientação médica, pode inclusive ajudar a reduzir a dosagem de medicamentos psiquiátricos”, afirma o terapeuta.

Benefícios para crianças Down – Causada pela trissomia do cromossomo 21, ou seja a presença de três cromossomos deste tipo em vez de dois nas células do indivídulo, a síndrome de Down se caracteriza por traços físicos, como olhos amendoados, nariz achatado e baixa estatura.

A acupuntura sem agulha, como a stiperterapia, auxilia no tratamento de doenças respiratórias e cardiopatias, muito comuns nas pessoas com essa síndrome. Segundo Stehling também foram constatados outros benefícios como a redução na salivação excessiva (sialorreia), melhora do tônus muscular (hipotonia), melhora da fala e da concentração, ajudando a criança no aprendizado, e até ganho de estatura.

A intervenção precoce é a melhor forma de se obter os melhores resultados. A importância de um bom diagnóstico é fundamental associada a uma equipe multidisciplinar. “A acupuntura sem agulha pode ser ministrada em bebês e inclusive em gestantes”, aconselha Stehling.

Sobre Stiper – No mercado desde 2005, a empresa fundada pela família Gianfratti inovou ao produzir no Brasil os primeiros produtos de beleza e para saúde à base de silício, um dos elementos mais abundantes da crosta terrestre. O seu portfólio conta com itens entre máscara esfoliante facial e corporal, pastilhas para acupuntura e para acupuntura auricular, com benefícios cientificamente comprovados em pesquisas, além de suplementos que combinam o mineral com ácido hialurônico, indicado para tratamento antienvelhecimento, e a versão com extrato de semente de uva, para combate ao stress e prevenção de doenças cardiovasculares. A Stiper está sediada na Grande São Paulo, mas atende todo o território nacional por meio de lojas revendedoras e de sua loja online. Saiba mais sobre a Stiper clicando aqui.

Sobre Marcelo Stehling – Educador físico formado pela UFJF é especialista em acupuntura e fitoterapia brasileira e chinesa, cursando homeopatia, Marcelo Stehling tem experiência de 22 anos no atendimento de crianças Down e com Transtorno do Espectro Autista. Atualmente, ele faz atendimento nas unidades da Casa Ninho, clínica especializada no desenvolvimento global de crianças e adolescentes em Juiz de Fora e ministra cursos sobre a aplicação da técnica de stiperterapia e acupuntura na terapia de crianças. Saiba mais no Instagram/@acupunturamarcelo.

Posts Relacionados

Atriz e cordelista Bianca Freire estreia “3 Contos de Amor”

“Um espetáculo que vem sendo construído desde que eu...

Programação cultural enriquece Carnaval da PBH

Após 23 dias de celebração intensa em todos os...

Projeto Jardim Musical recebe a cantora Lívia Itaborahy

“Soy Sosa – um Tributo à Mercedes Sosa” com...

Escola Livre de Artes Arena da Cultura abre inscrições

Dando continuidade no propósito de ensino da arte como...

Literíssima lança antologia feminina, Elas, a saudade, o amanhã

A Editora Literíssima realiza noite de autógrafos e lançamento da nova...

Novidades

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui