18.4 C
Belo Horizonte
seg, 15 julho 24

Thedotgood reconhece Instituto Ramacrisna

Instituição foi reconhecida como uma das 200 melhores OSC do Mundo e está entre as 50 melhores OCSs do Brasil pelo terceiro ano consecutivo

O Instituto Ramacrisna, em Betim, Minas Gerais, foi eleito pela terceira vez consecutiva como uma das 50 melhores Organizações da Sociedade Civil (OSC) do Brasil e uma das 200 melhores do mundo, ocupando a 169ª posição no ranking mundial e 15ª no ranking brasileiro. A avaliação foi realizada pela Thedotgood, uma organização de mídia independente, com sede em Genebra, na Suíça, que apresenta para o público estrangeiro, entre jornalistas, doadores, pesquisadores e diplomatas, as melhores e mais inovadoras práticas no Terceiro Setor.

A Thedotgood avalia as OSCs com base em critérios rigorosos como impacto, inovação e governança. O impacto refere-se à transformação positiva na vida dos beneficiários, a inovação destaca a capacidade de superar obstáculos criativamente, e a governança avalia as boas práticas de gestão, transparência e adesão a missão, visão e valores da organização.

Solange Bottaro, vice-presidente do Instituto Ramacrisna, celebrou a conquista.  “Estamos muito felizes. Nossos projetos seguem impactando socialmente as comunidades em que atuamos. Apenas em 2023, atendemos mais de 105 mil pessoas entre crianças, adolescentes, jovens e famílias com ações de apoio pedagógico e de inclusão digital, cursos profissionalizantes, de aprendizagem e diversas outras atividades culturais, de geração de trabalho e renda, esporte e lazer”.

Solange destaca ainda que a inovação está no cerne do trabalho do Instituto “estamos sempre buscando oferecer soluções inovadoras para os desafios enfrentados pelas comunidades que atendemos. Acreditamos que a inovação não é apenas sobre tecnologia ou novas ideias, mas sobre a capacidade de transformar vidas através de abordagens criativas e eficazes”.

Governança e Transparência são destaques no Ramacrisna

A excelência na governança e na transparência é um dos pilares que sustentam o sucesso do Instituto Ramacrisna. A instituição é parceira da Fundação Dom Cabral desde 2008, uma das melhores escolas de negócios da América Latina. Através de programas de desenvolvimento de dirigentes e colaboradores adota boas práticas de gestão e aposta na melhoria de processos internos garantindo que todos os recursos sejam utilizados de forma eficaz e transparente, sempre em conformidade com sua missão, visão e valores.

“Estes são pilares fundamentais para qualquer organização que deseja causar um impacto positivo duradouro. Aqui, nós valorizamos essas práticas como essenciais para construir confiança junto aos nossos parceiros, beneficiários e a sociedade em geral. Com isso conquistamos parcerias duradouras com grandes empresas como: Vale, Petrobras, Localiza e organizações internacionais como BrazilFoundation e Liverpool Hope University, entre outras”, destaca Solange Bottaro.

Esse compromisso com a boa governança é evidenciado pelo reconhecimento do Thedotgood e reforça ainda mais a importância dessas práticas na consolidação do Instituto Ramacrisna como uma das principais Organizações Sociais do Brasil e do mundo.

Sobre o Instituto Ramacrisna

O Instituto foi fundado em 1959, pelo jornalista Arlindo Corrêa da Silva, e já impactou a vida de mais de 2 milhões de pessoas de 12 cidades da Grande BH nos últimos 65 anos. Localizado em Betim/MG, o Ramacrisna desenvolve projetos de aprendizagem, profissionalização, geração de trabalho e renda, empreendedorismo, cultura, de tecnologia, de esporte e lazer, entre outros.

O Ramacrisna possui uma parceria com a Fundação Dom Cabral desde 2008, com o objetivo de capacitar os gestores e implementar ferramentas gerenciais para melhoria de processos internos e já recebeu diversas premiações que atestam sua competência em gestão: entre elas está o ranking internacional: o Thedotgood (antigo NGO Advisor) por 3 anos seguidos (2022, 2023 e 2024).  Em 2023, pelo sétimo ano consecutivo, figura entre as 100 Melhores ONGs do Brasil, pelo Instituto O Mundo Que Queremos (IOMQQ) e o Instituto Doar.

Desde 2019 possui o Selo A+ que audita e reconhece as organizações da sociedade civil que seguem parâmetros internacionais de gestão e transparência. Em 2020 recebeu o selo ONG Transparente, e em 2018 foi eleita a melhor Organização de Assistência Social do país, todas concedidas pelo Instituto Doar.

Posts Relacionados

Quarteto com multi-instrumentista Raïssa Anastásia é atração do Zás desta semana

Acompanhada por três músicos, a também compositora faz sua...

Saúde recomenda atenção para casos de febre Oropouche no país

Uma recomendação aos estados e os municípios para que...

Anvisa atualiza informações sobre rotulagem nutricional

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou nesta...

Novidades

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui