20.8 C
Belo Horizonte
qui, 22 fevereiro 24

Músico e compositor Silão lança o EP “Ramos Longos da Vida”

Canções celebram o amor e a harmonia de sua história familiar

O cantor, compositor e instrumentista Silão retoma suas atividades musicais com o lançamento do EP “Ramos Longos da Vida”. O trabalho, como frisa o artista, é em homenagem à sua falecida esposa Morena (1954-2018) e aos filhos Amana e Pedro. O músico reflete sobre esse convívio ao comentar “De mãos dadas”, a primeira faixa do EP, dedicada à amada: “Embora ainda dolorido com sua perda, imprimi alento à canção. Nossa vida a dois, mesmo havendo algumas turbulências, sempre foi amorosa, profunda e bem-humorada”. Por isso, Silão explica, a levada de samba e soul numa mistura pop, honrando a dádiva da vida pra seguir adiante.

“Pomar”, uma bossa-pop, retrata o grande e generoso quintal da casa de fundos alugada onde a filha Amana nasceu há 40 anos. “Bananeiras, amoreira, pés de café, flores e até uma pequena horta naturaram seu percurso inicial”, comenta Silão. Para ele, Amana, Pedro e suas respectivas famílias são os ramos que se alongam vida adentro.

O blues-jazz “Noites e dias”, por sua vez, relembra as histórias malucas contadas ao filho Pedro, situações em que às vezes Morena precisava intervir, “quando gargalhávamos e o menino não pegava no sono”, conta. “A música narra também nossas conversas bacanas de hoje”, diz Silão.

Nas gravações de “Ramos Longos da Vida”, Silão cantou e fez todos os vocais, tocou violão e guitarra e cuidou dos arranjos, em parceria com o multi-instrumentista, produtor e arranjador Celson Ramos (1966-2022), amigo e colaborador a quem agradece e presta homenagem. Celson Ramos cuidou ainda da produção e executou diversos instrumentos, juntamente com os convidados especiais Breno Mendonça (sax em “Pomar”) e Osmar Souza (gaita em “Noites e dias”).

Cantar com os filhos e a esposa sempre foi um ato de prazer e também de criação para Silão, o que está refletido plenamente nas canções de “Ramos Longos da Vida”. Seu último lançamento fonográfico foi “Silão & Tribo Amorosa” (2022), que resgata e rearranja canções compostas basicamente por seus filhos quando crianças.

Em sua trajetória como compositor e cantor, além do álbum citado, Silão lançou o álbum “Olhos Acesos” (2018) e o EP “Te ver agora” (2020), todos disponíveis nas plataformas digitais.

Silão também escreve, usando o nome Silas Velozo. Possui três livros publicados de forma independente e escritos esparsos no Facebook. O último livro, “A Duração das Avelãs”, tecido em parceria com a irmã Vanessa V. Gomes, reúne memórias poéticas e bem-humoradas de sua família, parentes e amigos.

 “Ramos Longos da Vida” – EP de Silão, com as faixas “De mãos dadas”, “Pomar” e “Noites e dias”. Participações de Celson Ramos (vários instrumentos e produção em estúdio), Breno Mendonça (sax) e Osmar Souza (gaita). Produção executiva de Silão. Masterização de Chistiano Caldas. Disponível em todas as plataformas de música.

Posts Relacionados

Apostas Virtuais: um mergulho no universo dos simuladores e jogos online

As apostas virtuais vêm ganhando cada vez mais espaço...

Mitos comuns sobre Cassinos Online desmistificados

Os cassinos online têm crescido em popularidade nos últimos...

Atriz e cordelista Bianca Freire estreia “3 Contos de Amor”

“Um espetáculo que vem sendo construído desde que eu...

Programação cultural enriquece Carnaval da PBH

Após 23 dias de celebração intensa em todos os...

Projeto Jardim Musical recebe a cantora Lívia Itaborahy

“Soy Sosa – um Tributo à Mercedes Sosa” com...

Novidades

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui