28.5 C
Belo Horizonte
qui, 29 fevereiro 24

Banda mineira Anima Mea recria clássico de Cazuza

“Ritual” ganha elementos contemporâneos em homenagem

“Ritual” é uma das joias da discografia de Cazuza, presente no álbum “Só se for a dois”. A música traz uma perspectiva poética e esperançosa para o mundo e marcou a retomada da parceria entre Cazuza e Frejat. Inspirada pela mensagem da canção, a banda mineira Anima Mea regravou a faixa como uma homenagem ao saudoso compositor.

“A gente sempre tenta ver o copo meio cheio”, reflete Sidney Braga, baixista da banda. “Escolhemos fazer uma releitura de ‘Ritual’ porque a letra escrita por Cazuza aborda exatamente o mesmo tema, mas com uma perspectiva diferente”.

A banda foi formada em 2017, mas sua história remonta aos anos 90. Os membros fundadores, Daniel Valadão e Sidney Braga, eram vizinhos e colegas de escola em Divinópolis (MG), e tinham interesses musicais semelhantes. Enquanto isso, Ronilsinho Moreno era um músico ativo em bandas locais e servia de inspiração para ambos. No entanto, eles perderam contato por quase 20 anos.

Em setembro de 2017, Sidney ligou para Daniel para parabenizá-lo por seu aniversário e por ter superado um câncer. A amizade e o desejo de iniciar um novo projeto musical falaram mais alto, levando-os a formar a banda em dezembro do mesmo ano.

“As letras do Anima Mea são predominantemente baseadas no conceito do realismo esperançoso preconizado por Ariano Suassuna. Acreditamos que a letra de ‘Ritual’ também traz esse conceito em sua essência, mesmo que não intencionalmente. É uma perspectiva válida, pois os momentos difíceis também fazem parte da vida, e é assim que a vida realmente é”, conta Daniel Valadão, vocalista da banda, que estreou com o álbum “Pecado Austral” em 2018.

A formação da banda foi concluída quando eles começaram a trabalhar em seu segundo álbum, “Versatile”, lançado em 2019, com a inclusão de Ronilsinho, conhecido por suas habilidades e criatividade nos arranjos musicais. Esse novo lançamento acaba sendo um resumo conceitual dessa jornada e uma introdução a um grupo com uma história e números impressionantes.

“A mensagem que queremos transmitir é que continuamos com essa abordagem positiva, mas é importante questionar algumas coisas e obter uma nova perspectiva sobre elas”, conclui Ronilsinho Moreno, guitarrista da banda.

Recentemente, a Anima Mea viralizou com a música “Feliz Aniversário”, que conquistou as redes sociais como uma das principais faixas para celebrar aniversários, ficando atrás apenas do Mundo Bita. A faixa acumula quase 40 milhões de reproduções em todas as plataformas e foi compartilhada por diversas personalidades, celebridades e atletas.

Agora, a banda embarca em uma nova fase de sua história com a versão de “Ritual” de Cazuza, disponível em todas as plataformas de streaming.

Ouça “Ritual”: https://found.ee/ritual-1

Siga Anima Mea:

https://spotify.link/FaVOKNYHdyb

https://instagram.com/animamea.oficial

https://m.youtube.com/@animamea9356

Posts Relacionados

Temporada de pesca na Lagoa Silvana após o período de piracema

Depois da longa espera, chegou um dos momentos mais...

Santa Luzia sedia Fórum de Cidades Digitais e Inteligentes

A implantação das cidades inteligentes na Região Metropolitana de...

Natiruts faz tour de despedida “Leve com Você” em Minas

Basta dar um play em qualquer uma das músicas do Natiruts – ao...

Gustavo Tubarão lança livro em Belo Horizonte

Natural da cidade de Cana Verde, localizada na região...

Akatu se apresenta em BH nesta sexta-feira

O Akatu, grupo mineiro de samba e pagode, formado...

Novidades

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui