28.5 C
Belo Horizonte
qui, 29 fevereiro 24

Saxofonista Leo Gandelman apresenta em BH

Evento com entrada gratuita ainda conta com grandes aristas de Minas como João Vianna

A Praça da Liberdade vai receber o projeto BH Cult Solar e Projeto Música na Árvore Instrumental Solar, no próximo dia 20 de maio com entrada gratuita.

O evento vai trazer o renomado saxofonista Leo Gandelman para seu show principal, além da apresentação de Bh Hoppers. A grade de shows continua com Will Motta Trio, Charanga Pop e na sequencia, João Vianna apresente seu formato Live Performance com o Show No Stress. DJ Anonymous assume a música da festa.

A ideia do evento é unir música e gastronomia, e além dos shows terá palestra e degustação de cervejas artesanais com Jaqueline de Oliveira da Escola Mineira de Sommelieria e a Curadoria da Gastronomia fica com o Chef Beto Haddad, tudo isto para mostrar o potencial turístico da nossa capital e nosso selo de Cidade Criativa da Gastronomia. O Projeto Música na Árvore Solar é pioneiro no uso da energia solar como matriz energética dos shows.

Artistas:

Leo Gandelman: artista plural, compositor, arranjador e produtor de conteúdo. Como instrumentista, Leo Gandelman transita da música pop à clássica com o mesmo entusiasmo e excelência. Participando de gravações antológicas de praticamente todos os grandes nomes da música brasileira, escreveu uma bela página na história da MPB. Com mais de 500.000 discos vendidos até hoje e mais de 35 anos de carreira solo, Leo Gandelman foi eleito por 15 anos consecutivos “O melhor instrumentista” na lista dos leitores do jornal “Jornal do Brasil”. É hoje um dos mais influentes músicos brasileiros.

O álbum autoral “Solar, vendeu mais de 100 mil cópias, um volume extraordinário para uma obra instrumental no Brasil, um marco na história da música brasileira. Ele se apresentou por seis anos consecutivos no Blue Note em Nova York com casa cheia. Tocou com a Orquestra Sinfônica de Moscou na Sala Tchaikovsky do Conservatório de Música de Moscou com a Orquestra Juvenil Simon Bolivar da Venezuela, Orquestra Sinfônica de Montevidéu, Orquestra Sinfônica Brasileira no Lincoln Center e Central Park em NYC, Orquestra Sinfônica de São Paulo, Filarmônica de Minas entre outros.

Ele já tocou em vários clubes e festivais de jazz nos EUA, Brasil, Malásia, Cingapura, Irã, Kuwait, Inglaterra, Espanha, Ucrânia, Rússia e assim por diante. Atualmente vem trazendo sua experiência musical e olhar versátil para as artes audiovisuais. Além de músico, ele tem trabalhado como roteirista, produtor, diretor de cinema e desenvolvendo conteúdo original para sua produtora, Sax Driver. Ele tem escrito, apresentado e dirigido o programa de TV de muito sucesso “Vamos Tocar” nos últimos 5 anos. Recentemente, ele foi premiado com o “Melhor Programa de Entretenimento de TV” nos Festivais de Cinema e TV de Nova York. No YouTube, destaca-se como produtor e diretor do canal “Machines Series”, que mescla o Jazz com outros estilos musicais como: Hip Hop, Pop, Música Brasileira e outros.

Charanga Pop com João Vianna: músico que dividiu palco com Skank, Lulu Santos, Pepeu Gomes,  dentre outros, e seu trompete, lidera este grupo que mistura música pop de todos os tempos com ritmos brasileiros. O som dos metais, a força da percussão e o swing da guitarra fazem a galera vibrar. Como as bandas de jazz de New Orleans e as charangas dos estádios de futebol, o grupo circula e interage de perto com o público e sente a energia e pulsação das pessoas para ditar o ritmo.

João Vianna é o trompetista que criou o Projeto No Stress durante a Pandemia e percorreu toda cidade levando a música para as pessoas em isolamento social vai se apresentar na forma solo (usando bases eletrônicas) e tocar as músicas que as pessoas mais escolheram para homenagear amigos e parentes durante a Pandemia .

Will Motta: contando com experiências junto ao grupo Lombinho com Cachaça, Fernando  ngelo, Hocus Pocus, o músico vem se apresentando com artistas renomados como Beto Guedes, Tadeu Franco, Paulinho Pedra Azul, Nepal, Código B, Bauxita, Play, dentre outros. Em seu trabalho atual, Will se apresenta com Neo Andrade (baixo) e Robinho Batera (bateria), executando repertório instrumental variado de músicas nacionais e internacionais, caminhando do pop ao baião, passando pelo samba e bossa

DJ Fê Lins vem se destacando por sua diversidade musical e capacidade de disseminar a alegria e diversão para todos os públicos.  Atua principalmente com o material musical que foi produzido nas décadas de 60 a 90. Essa variedade musical, por ser extremamente ampla, permite que ela ofereça como poucos, um cardápio de tendências e estilos que são separados por décadas. Uma verdadeira alquimia musical, que reluz aos olhos e ouvidos do público.

O Lindy Hop é um estilo de dança vigoroso, animado e entusiasmado, nascido na duécada de 1930. O Lindy Hop está intimamente associado ao swing jazz e é praticado em todo o mundo, vivenciando um crescimento acentuado nos últimos anos no Brasil, principalmente nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

Os BeHoppers é um grupo sem fins lucrativos que busca incentivar a dança e a divulgação do Lindy Hop em BH. Criado em 2012, o grupo realiza diversas ações de promoção do estilo, como a criação de espetáculos.O grupo já registrou participação em grandes eventos Savassi Festival, Festival da Gentileza, Fartura Gastronômica, festas como a Wanted, RockStep e Lindy Fever, shows da Happy Feet Jazz Band, Caffeine Trio e Pepe Já tirei a Vela!, produção de vídeo danças e atividades e curadoria de dança para o Festival Internacional Love Jazz.

Projeto BH Cult – Música na Árvore Solar

Sábado, 20 de maio a partir do meio-dia

Praça Mendes Júnior, ao lado da praça da Liberdade

Entrada gratuita

Realização: Projeto BH Cult

Patrocínio: Prefeitura de Belo Horizonte por meio da Belotur

Apoio Música na Árvore Instrumental Solar

https://www.instagram.com/projetobhcult/

Posts Relacionados

Temporada de pesca na Lagoa Silvana após o período de piracema

Depois da longa espera, chegou um dos momentos mais...

Santa Luzia sedia Fórum de Cidades Digitais e Inteligentes

A implantação das cidades inteligentes na Região Metropolitana de...

Natiruts faz tour de despedida “Leve com Você” em Minas

Basta dar um play em qualquer uma das músicas do Natiruts – ao...

Gustavo Tubarão lança livro em Belo Horizonte

Natural da cidade de Cana Verde, localizada na região...

Akatu se apresenta em BH nesta sexta-feira

O Akatu, grupo mineiro de samba e pagode, formado...

Novidades

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui