19.4 C
Belo Horizonte
ter, 23 julho 24

Show Elodie Bouny e Vitor Santana em encontro musical

Elodie Bouny e Vitor Santana farão, no próximo dia 3 de julho, um show inédito no Teatro de Bolso do Sesiminas em Belo Horizonte. Esse show decorre do encontro desses dois artistas em 2023 em Lisboa, durante turnê do grupo Coladera, do qual Vitor faz parte. Os encontros musicais desse período entre artistas em Portugal, geraram o desejo do trabalho em parceria.

Elodie vem do universo da música erudita, do violão clássico de nível internacional, além do trabalho de composição para violão, orquestra e também canções. Vitor Santana, que tem o violão como carro chefe de seu trabalho, tem na composição de canções sua dedicação de vida e trabalho. O elo entre esses elementos artísticos é o cerne dessa apresentação, que terá quatro músicas inéditas que estão sendo preparadas à distância e que terão sua versão final em uma imersão criativa que os artistas farão entre os dias 26 de junho e 5 de julho, tendo o show como ápice dessa junção.

Além das 4 canções inéditas Elodie e Vitor apresentarão canções de seu repertório e receberão o artista português João Pires, parceiro de Vitor no projeto Coladera, para uma participação especial no show. João e Elodie também tem um histórico de colaborações em Lisboa e farão duas músicas que foram apresentadas esse ano em um concerto em Lisboa. Elodie está em turnê pelo Brasil e se apresenta em várias capitais como Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro. Ela acaba de lançar o disco “Helping Hands” em parceria com Yamandu Costa, com quem foi casada por 16 anos e tem dois filhos dessa relação tão especial de música e vida.

Elodie Bouny é violonista, compositora, produtora, orquestradora, professora.De mãe boliviana e de pai francês, ela cresce em Paris, onde efetua um percurso de estudos clássicos completo, focado no estudo do violão erudito no Conservatório de Boulogne-Billancourt (Paris).Obtém seu diploma final, em 2000, com menção mais alta por unanimidade.Em seguida, aperfeiçoa-se com Pablo Márquez no Conservatório de Estrasburgo,onde encontra a oportunidade de ampliar seu conhecimento e abrir seu campo de trabalho, em especial, à música antiga, e às músicas improvisadas. Termina este segundo percurso em 2005, quando se forma, obtendo o seu D.E.M. (Diploma de Estudos Musicais). Durante esses anos de estudos, complementa a sua formação seguindo numerosas MasterClasses com personalidades eminentes e participando em aulas relacionadas com a música da América do Sul, integrando por alguns meses os cursos do Conservatório Nacional de Folclore de Buenos Aires, dirigido pelo violonista Juan Falú.Ela é Mestre em Educação Musical pela Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (2012), e Doutora em Processos Criativos pela mesma instituição (2019).Durante esses anos de estudo ela foi laureada em alguns Festivais Internacionais.

Vitor Santana é cantor, compositor e violonista e tem 4 CDs lançados em sua carreira musical.

Seu primeiro CD, Abra Palavra, com a cantora Mariana Nunes, foi lançado em 2004 e o DVD em 2006. Neste mesmo ano, Vitor foi semi-finalista do Prêmio Visa de Compositores, que revelou artistas como Yamandú Costa, Mônica Salmaso e André Mehmari.

Em 2010 lançou o CD Beirute, que  contou com grandes nomes da música brasileira, cubana e portuguesa como Zeca Assumpção, Yasek Manzano e Susana Travassos e abriu portas para o compositor no cenário internacional da música independente na América Latina e na Europa.

Em novembro de 2013 Vitor lança o cd Coladera, um projeto que traz a música autoral brasileira de Vitor, a guitarra ibérica do músico e compositor João Pires e a experiência e modernidade do percussionista Marcos Suzano. Coladera circula nas águas de Cabo Verde, Lisboa e Salvador, trazendo o melhor da lusofonia contemporânea. Em 2018 o Coladera lança o disco Coladera La Dôtu Lado, pela gravadora alemã Agogo Records. O disco teve grande repercussão na mídia internacional, sendo considerado um dos melhores discos do ano pela Songlines, da Inglaterra, Estadão, Folha de São Paulo e The Guardian.A turnê do disco rodou 9 países, incluindo importantes palcos como Casa de Franscisca em São Paulo, Alice em Copenhague, Dinamarca, Teatro Ibérico em Lisboa e o antológico Festival de Jazz de Montreux, na Suíça, ao lado de músicos como Elton John, Quincy Jones, Joan Baez, entre outros.

Vitor Santana está em fase de produção do terceiro disco do grupo lusófano e prepara mais um disco solo.

Crédito fotos  Elodie: Fred Matt

Crédito fotos  Vitor: Estúdio Tertúlia

 

Serviço

Show Elodie Bouny e Vitor Santana

Participação Especial: João Pires

Show Teatro de Bolso Sesiminas

Endereço: Rua Pe.Marinho 60 – Santa Efigênia

Dia 3 de julho às 20h

Preço do ingresso: R$20,00

Ponto de venda: Bilheteria do Sesiminas ou  https://bileto.sympla.com.br/event/95342

Classificação etária: Livre

Posts Relacionados

Olimpíadas de Paris 2024: datas, modalidades e horários

Se você ainda não se organizou, a hora é...

Minas lidera ranking com cooperativas de crédito do Brasil

O crescimento exponencial do cooperativismo financeiro no Brasil e...

Hotmart FIRE 2024: festival dedicado ao mercado digital

O Hotmart FIRE se prepara para sua nona edição,...

Novidades

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui