JAY VAQUER no UNDERGROUND BLACK PUB

0
117

O cantor e compositor carioca volta aos palcos de Belo Horizonte com banda completa e show que percorre toda a sua discografia.

Dia 15 de fevereiro de 2022, terça, às 19 horas

O cantor e compositor carioca Jay Vaquer se apresenta no Underground Black Pub, dia 15 de fevereiro, terça-feira, com abertura da casa às 19h e show às 20h30.  Depois de alguns anos longe da capital mineira, o artista está de volta para apresentar seu show com banda completa e repertório que passará por toda a sua carreira.

A apresentação, que promete incendiar a casa, trará no repertório todas as músicas mais pedidas e aguardadas com entusiasmo por seu público fiel.

Teremos algumas mesas disponíveis, por ordem de chegada.  A casa irá trabalhar com capacidade reduzida, assim garantimos a segurança de todos e podemos entregar ao público uma experiência inesquecível.

Vaquer traz na bagagem 21 anos de carreira, 10 álbuns, um CD/DVD gravado ao vivo e reconhecimento do público.  Seus trabalhos mais recentes contabilizam 4 indicações ao Grammy Latino, como melhor álbum de rock e melhor produção.

Serviço:

JAY VAQUER

15 de fevereiro de 2022

Terça-feira – 20h30

Abertura da casa: 19h00

Underground Black Pub

Av. Itaú, 540 – Dom Cabral

Classificação: 16 anos (menores de 18 anos somente acompanhados por um responsável)

O Underground está alinhado com todas as normas de segurança, decreto e portarias da PBH e SMSA/SUS-BH.

MEIA ENTRADA SOCIAL é o valor do ingresso mediante doação de 1kg de alimento ou 1 litro de leite não perecível na entrada do evento. Doaremos todos alimentos arrecadados para entidades impactadas durante a pandemia.

Ingressos:

https://www.sympla.com.br/jay-vaquer-no-underground-black-pub__1474638

2º lote: R$ 60,00 (meia entrada social)

3º lote: R$ 70,00 (meia entrada social)

4º lote: R$ 80,00 (meia entrada social)

Informações: @undergroundblackpub (Instagram)

Histórico:

Jay Vaquer tem a cara de seu tempo. Não é apenas um cantor de Pop Rock.  É um artista que interage com seu público, mantendo uma relação próxima com os fãs.  Destaca-se na Internet, onde no Facebook possui atividade intensa de seus seguidores que o mencionam constantemente nas páginas de seus grupos e também no Instagram, que faz questão de administrar pessoalmente para manter a proximidade.  Contabiliza mais de 2.000.000 de execuções de músicas no Spotify.  No Twitter, seu perfil figurou no Top 30 da lista “melhores do mundo”, além de ter chegado também ao 12º lugar na lista dos brasileiros mais influentes.

Traz na bagagem 21 anos de carreira e reconhecimento do público.  Em 2009 lançou um DVD (também editado em CD) ao vivo, de show gravado no Vivo Rio para um público de 4 mil pessoas.  Em 2011 lançou seu 6º CD – “Umbigobunker!?” – produzido pelo premiado Moogie Canázio, que teve a participação especial de Maria Gadú na canção “Do Nada, me Jogaram aos Leões”.  O trabalho foi indicado ao Grammy Latino 2012 como um dos discos mais bem produzidos do ano, em toda a América Latina.  Em 2013 lançou um álbum inaugurando a série “Transversões”, onde aborda o trabalho de outros compositores, registrando esse exercício em CDs.  O primeiro volume, intitulado “Antes da Chuva Chegar”, traz canções de Guilherme Arantes.  O CD “Canções de Exílio”, de 2016, foi indicado ao Grammy Latino como melhor produção da América Latina e melhor disco de rock em língua portuguesa.  Em 2018 lança “Ecos do Acaso e Casos de Caos”, seu 10º álbum, que traz dez faixas pinçadas do repertório de seu Musical “Síndroma”, e recebe novamente indicação como melhor disco de rock.

Fã de arte contemporânea e de cinema, Jay também acompanha de perto a direção de seus clipes, que atingiram (todos) o primeiro lugar na programação da MTV – graças à votação do público – e que foram indicados ao VMB ou ao Prêmio Multishow.

Jay Vaquer vem arrebanhando, nesses mais de vinte anos de carreira, uma verdadeira legião de fãs, que o acompanham na estrada e o alçam a uma espécie de porta-voz da juventude dos anos 2000.  “Autêntico e original, um gênio da composição, do palco, da letra e da melodia, Jay Vaquer vem renovando o pop rock brasileiro.” (Marcos Maynard – ex-presidente da EMI Music).

O artista carrega e imprime em seus trabalhos influências tão diversas quanto Peter Gabriel e Chico Buarque, Paul McCartney e The Cure.  É sua a charmosa versão de “Boys don’t Cry”, que foi tema da novela Tempos Modernos da Rede Globo e sucesso nas rádios cariocas.  A versão, que conta com arranjo do próprio Vaquer, surpreende pela forma harmoniosa e melódica com que veste o hit da banda punk inglesa.

Filho de músicos, Jay Vaquer trabalha com música desde a infância.  Lançou o primeiro CD em 2000 (Nem Tão São).  Entre em https://open.spotify.com/artist/7LSLnoj6uCCnE2TJ1G6kvw.  Lá, além de sua discografia, o público poderá descobrir um artista com mais de dois milhões de execuções.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here