Comércio espera alta de até 30% na venda de espumantes no Sul de Minas

0
1076

Presença certa nas festas de Natal, ano novo e nas confraternizações, o setor de espumantes é um dos poucos que não foi afetado pela crise, e as vinícolas e mercados esperam aumento nas vendas em relação ao último ano no Sul de Minas.

No último trimestre, a venda de vinhos, sucos de uva e espumantes teve aumento de 10% em relação ao mesmo período de 2014. Segundo o Instituto Brasileiro do Vinho, o crescimento dos espumantes é ainda maior, de 15%.

Uma vinícola de Andradas (MG) produz espumantes desde 2003. Já são 12 anos de vendas e a produção tem crescido. A fábrica deve fechar 2015 com uma produção de 80 mil litros da bebida.

Crescimento deve ser de até 30% neste ano (Foto: Reprodução EPTV)

Nos últimos três meses, a vinícola vendeu 40% da produção anual do espumante. A bebida segue, principalmente, para lojas e supermercados da região metropolitana de Belo Horizonte (MG), no Sul de Minas e no interior de São Paulo. E mesmo com o preço em torno de 10% mais alto em relação ao último ano, a expectativa é de aumento nas vendas.”Tem números mais ou menos em torno de 30% a mais nesse produto. 30% a mais do que no ano passado. Vende mais do que o vinho”, disse o dono da vinícola Michel Marcon.

Em um supermercado de Poços de Caldas (MG), a variedade de rótulos e preços surpreende. Tem espumante nacional e importado a partir de R$ 8. “”A expectativa é que cresça muito as vendas para este fim de ano. Em torno de duas ou trez vezes o consumo normal durante o ano. Em torno de 100, 150%”, disse o gerente Paulo Pereira do Lago.

E nem a alta do dólar e a situação econômica do país tiram o otimismo do comerciante Jair Antônio Vieira Silva, que já reforçou o estoque para as vendas do período.  “O que supera isso tudo é que o consumidor está aprendendo a beber vinho, até pela alegria que ele dá. Ele tem vida. Ele tem aquela acidez, que dá vontade de continuar bebendo”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here