Sebrae Delas quer inspirar mulheres do município de Mariana

0
536

Programa é parceiro do ‘Marianas – Mulheres que Inspiram’ destinado ao fortalecimento do empreendedorismo feminino 

Nas últimas duas décadas, a quantidade de negócios abertos por mulheres mais que dobrou. O relatório Global Entrepreneurship Monitor (GEM), de 2017, revelou que mulheres têm empreendido tanto quanto homens quando falamos de negócios em estágios iniciais. Esse resultado reflete a busca das mulheres por uma colocação no mercado, que permita o equilíbrio entre vida profissional e pessoal.

Em consonância com esses dados, um grupo de mulheres do município de Mariana criou o Marianas – Mulheres que Inspiram, em 2014. Apoiado pelo Sebrae Minas,  o projeto tem como objetivo buscar novas perspectivas de futuro, além de auxiliar as mulheres a enfrentar os desafios e as oportunidades dentro do empreendedorismo feminino.

O projeto

O Marianas – Mulheres que Inspiram é resultado do trabalho de interação social que a fundadora do projeto, Marciele Delduque, começou há cinco anos com outras mulheres da comunidade de Mariana. À época, Marciele trabalhava como esteticista e sentiu a necessidade de estreitar o relacionamento com suas clientes, muitas delas empreendedoras, assim como ela.

“Inventei um café na varanda da minha casa, para ter momentos mais próximos com minhas amigas e clientes”, lembra Marciele. Eram 15 mulheres que se reuniam uma vez por mês, para discutir os mais variados assuntos: “compartilhávamos nossas iniciativas no trabalho, sentimentos, necessidades e dificuldades. Quando veio o rompimento da barragem, aí que brotaram mulheres no nosso café. Os encontros nos fortaleciam”, conta.

Hoje, o Marianas – Mulheres que Inspiram reúne 420 empreendedoras de Mariana, Ouro Preto e região. Os encontros foram atraindo mais e mais mulheres, e o movimento foi crescendo de maneira exponencial. Professoras, costureiras, esteticistas, doceiras e outras empreendedoras, formais e informais, foram chegando.

A rede fomenta ações de compra, venda, capacitações e parcerias que beneficiam todo o grupo.  “O nosso papel é trazer acolhimento e oportunidades de desenvolvimento para essas mulheres, incentivando-as a participar de ações de capacitação e orientação. É necessário que a gente se empodere por vias econômicas. Com a independência financeira temos o poder de escolha”, destaca Marciele.

Em outubro deste ano, o grupo inaugurou a Casa das Marianas, espaço localizado na Rua da Praia 438, no bairro Passagem de Mariana. Vai funcionar como uma aceleradora de negócios conduzidos por mulheres, além de atendimentos para consultas psicológicas, jurídicas e outras demandas da saúde da mulher.  A expectativa do grupo é que a “aceleradora de mulheres”atenda um total de 1600 mulheres até 2021.

A parceria com o Sebrae

Em julho do ano passado, o Sebrae lançou o programa Sebrae Delas – Desenvolvendo Empreendedoras Líderes Apaixonadas pelo Sucesso, na Microrregião Alto Paraopeba e Inconfidentes.  O objetivo é contribuir para que elas se tornem mais confiantes das suas capacidades, busquem conhecimentos e desenvolvam habilidades para tornar seus negócios mais competitivos. De acordo com o analista do Sebrae Minas Aristides Araújo, o grupo, que já participa do programa, agora poderá contar com outras atividades oferecidas pelo Sebrae.

“O Sebrae vai utilizar o espaço da Casa das Marianas  para as futuras ações, assim que as atividades presenciais forem liberadas. Cerca de 100 empresárias formalizadas, que receberam diagnóstico de gestão empresarial em 2019, ou seja, o retorno sobre os pontos fortes e fracos do empreendimento, já com sugestões de ações para incrementar a gestão e o desempenho dos negócios, estão recebendo a solução gratuita Consultoria Sebrae Mais Semipresencial Orientações Financeiras”, conta.

Até o final do ano, elas receberão ainda três ações coletivas on-line com os seguintes temas: formação de preço de venda, marketing digital e controle financeiro, além do atendimento individualizado com as consultorias financeiras do Sebrae. A primeira já foi realizada no início do mês.

As Marianas

A Coach do Bem Estar Giovana Sacramento tinha um espaço de vida saudável no município. Conheceu o grupo por meio de uma amiga em 2017, quando ajudou em uma das ações do projeto. “Quando vi aquelas mulheres, fiquei apaixonada. Por me identificar com elas, imediatamente, quis fazer parte do projeto”, conta.

A empreendedora passou um período difícil financeiramente e já não sabia mais onde buscar ajuda. Em determinado encontro, um dos convidados apresentou o programa Sebrae Delas, o que trouxe esperança para o seu negócio.

“Escutei sobre o Sebrae Delas e achei uma grande oportunidade para aprender e compartilhar com outras mulheres. Um grupo que fala de negócios e possibilita criar oportunidades de trocas e parcerias. Mulheres que se auto promoviam. Achei que fazia muito sentido”.

Durante as capacitações, percebeu os erros que havia cometido em seu negócio. Detectou que os custos eram maiores que os ganhos, que faltava informação e pesquisa de mercado e que poderia ter novas possibilidades para agregar ao espaço. Com as orientações certas, a empreendedora já está com o projeto de retomar os trabalhos em 2021.

“O Sebrae tem me acompanhado. Visitou o meu espaço, me passou várias orientações. Estava quase fechando sem perceber. A consultoria acaba em novembro e pretendo inaugurar em janeiro do ano que vem”, comemora.

Conheça mais sobre os desafios e oportunidades do empreendedorismo feminino acessando o conteúdo disponibilizado pelo Sebrae Minas.

Programação com as próximas ações

17/11 | Palestra on-line | Como formar preço de vendas

1º, a 3/12 | Palestra presencial | Estratégias de comercialização para as vendas de final de ano

Informações: (31) 3721-4343 ou loja.sebraemg.com.br/ .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here