No Brasil, estima-se que cerca de 5% da população possui “orelha de abano”

0
70

A boa notícia é que o problema pode ser corrigido através de um simples procedimento

 

As temidas orelhas de abano podem ser um incômodo para algumas pessoas. Na maioria das vezes as causas para o maleficio são hereditárias. Somente no Brasil, estima-se que cerca de 5% da população possui tal característica física. A boa notícia é que o problema pode ser corrigido através de um simples procedimento.

O cirurgião plástico Raiff Araújo, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), explica que a Otoplastia é um tipo de cirurgia plástica que corrige imperfeições na orelha. “O procedimento melhora aspectos como a forma e posicionamento, podendo ser realizadas também em pacientes que foram vítimas de algum trauma ou deformação na área”.

O especialista esclarece que existem diversos níveis para a orelha de abano, por esse motivo, é essencial a avaliação médica antes do procedimento. “Dessa forma, é possível orientar o paciente sobre qual o método mais adequado. Além disso, como em qualquer procedimento cirúrgico, é necessário tomar alguns cuidados e realizar exames para saber se o paciente está apto a passar pelo tratamento”, destacou Raiff.

Quem pode fazer?

De acordo com o médico, a cirurgia pode ser realizada em adultos e crianças com mais de sete anos. O método é considerado simples e causa pouco incômodo após a cirurgia. “Geralmente, o paciente permanece internado por até 12 horas para os procedimentos pós-operatórios”, disse Araújo.

FonteRaiff Araújo, médico cirurgião plástico e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) (www.drraiffaraujo.com.br).

Assessoria de Imprensa

 

Déborah Ribeiro – Assessora de Comunicação e Imprensa

Letra Comunicação e Marketing

www.letracomunicacao.com

deborah.letra@gmail.com

(31) 3236-1477 ou 98429-7565

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here