Lab promove projeto “Acústico de Verão” aos domingos

0
157

Realizado em parceria com a marca de whiskey Jameson, o Lab BH realiza aos domingos festas com atrações musicais que abrem a programação carnavalesca. Proposta é receber bandas, DJs e blocos para celebrações especiais no terraço mais charmoso da capital mineira.

Abrindo 2020 com uma programação musical viva, voltada para instigar o clima antes do carnaval, a Lab BH promove o projeto “Acústico de Verão”, uma série de shows aos domingos, em versão acústico para embalar as tardes e noites de domingo. Dedicada a promover experiências diferentes e memoráveis em sua programação, o espaço recebe bandas que prometem transformar o charmoso terraço da Lab em um caldeirão de boa energia, muita música e sinergia.

 

No dia 19 de janeiro quem comanda o som é a Bateria Infernal, das 15h às 22h, a Bateria Universitária do CEFET/BH que, atualmente, é conhecida por ser uma das mais baterias mais elogiadas do circuito. Assim, durante a noite o público terá a chance de ouvir diversas canções e sucessos tanto do samba e MPB, quanto de outros estilos mais revisitados para o gênero, com toda a experiência que o grupo adquiriu desde sua fundação em 2013.

 

Na semana seguinte, no dia 26 de janeiro, no mesmo horário, é a vez da Banda Joãozito A Parceria comandarem o som na tarde de domingo. Com um repertório que enaltece o samba mineiro, passando pelo samba-rock, bossa-nova, gafieira, afro-samba e salsa, o grupo promete embalar a noite em sonoridades que envolvem a todos para dançar.

 

Dando sequência, é a vez de Raga Mofe invadir o terraço do Lab, trazendo um setlist recheado de axé music e de sucessos dos anos 90. A banda, inclusive, tem orgulho de dizer que foi uma das pioneiras e responsáveis pelo resgate do gênero. No primeiro domingo de fevereiro, 02/02, o público terá a oportunidade de dançar e pular no melhor ritmo comandado pela Raga Mofe desta vez das 14h às 23h.

 

Para o penúltimo encontro, no dia 09 de fevereiro, o Bloco dos Hermanos convida os belo-horizontinos para uma tarde de tributo à banda Los Hermanos, com músicas consagradas do grupo carioca em estilos carnavalescos como Samba, Ijexá, Swingueira e Axé. O bloco foi criado em fevereiro de 2017 e, desde então, tem crescido exponencialmente tendo desfilado em 2019 e retornando para as ruas de BH ocupando a Rua Sapucaí em 2020.

 

Encerrando a programação do Acústico de Verão a Bateria Infernal retorna no dia 16 de fevereiro, desta vez com sua apresentação do Bloco “CEFET com Banana” e a acompanhada pela Bateria Rapina, (Engenharia e Arquitetura da FUMEC). Fechando com chave de ouro e muita animação, os grupos formados por talentos universitários farão uma grande mistura de diversos ritmos musicais aos foliões, junto celebrando a chegada do carnaval e sua boa energia.

 

::Sobre a Bateria Infernal::

 

A Bateria Unificada Infernal tem como objetivo reunir talentos do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-BH) e proporcionar uma mistura de diversos ritmos musicais aos foliões.

 

::Sobre Banda Joãozito e A Parceria::

 

A banda Joãozito e A Parceria é uma representante do samba mineiro. O grupo apresenta um repertório que passa pelo samba-rock, bossa-nova, gafieira, afro-samba, afoxé e ritmos latinos como a salsa. Sendo assim o fio condutor é o samba de uma maneira geral.

 

A trupe lançou em 2011 o primeiro álbum autoral e vem trabalhando estas composições nos shows com um ótimo retorno de público. Em BH a média de shows anuais chega à 120, recebendo destaque na imprensa e formando o nome na noite da capital. Anualmente o grupo faz sua bem-sucedida turnê de verão em Florianópolis, alavancando a banda para fora de Minas.

 

Os fundadores são os percussionistas Guilherme Santos, Geléia Parceria e Joãozito, guitarrista e idealizador. Acompanhando a banda estão os músicos da UFMG Osmar Furtado no sax, Gabriel Aquino no trompete, Maurinho Trombone, Orlando Belo no trombone e Rodrigo Magalhães no baixo. Para completar o time estão o saxofonista Evaldo Milagres e Sirley Rossi na bateria. Os dois últimos com experiência nacional e internacional, com nomes como Gilberto Gil, Carlos Lira, Roberto Menescal, Bebel Gilberto, Leni Andrade, Wanda Sá, Ivan Lins, entre outros.

 

A banda Joãozito e A Parceria celebra no set list artistas como Cartola, Noel Rosa, passando por Tom Jobim e Vinícius de Moraes, por Gilberto Gil e Jorge Benjor, Trio Mocotó e Bebeto, até a nova geração como Martinália e Seu Jorge. Mas a ênfase do trabalho são as novas composições. Outra característica é o uso do naipe de metais, que é o diferencial, haja vista que em BH poucos usam o naipe pois a maioria das casas de show são acanhadas e o valor para contratar sopros é alto, mesmo assim a “metaleira” da banda se apresenta com cinco componentes.

 

Com esta ênfase nos metais, a sonoridade do show se remete às big-bands dos anos 50 e 60, assim como os blocos de carnaval de rua. Cita-se as bandas de artistas como Wilson Simonal, Jorge Benjor pós anos 60, Bebeto e Tim Maia como referência. Graças a essas particularidades Joãozito e A Parceria figura na coletânea “Samba no pé”, do site melody Box, entre as 10 revelações do samba no Brasil.

 

::Sobre o Bloco dos Hermanos::

 

O Bloco dos Hermanos é o projeto paralelo do Los Otros (tributo mineiro à banda Los Hermanos). O projeto transforma as consagradas músicas dos barbudos cariocas em estilos carnavalescos, como Samba, Ijexá, Axé, Swingueira, Arrocha e Funk. O bloco foi criado em fevereiro de 2017, quando resolvemos brincar com algumas músicas do Los Hermanos em ritmo de Axé para uma festa de carnaval.

 

Desde então, gostamos tanto do resultado que não paramos mais! O Bloco estreou oficialmente no carnaval de 2018, tocando em cima de um trio elétrico pelas ruas de BH. Em 2019 o bloco passou a contar também com uma bateria com cerca de 30 percussionistas acompanhando a banda, dando ainda mais energia para o bloco e o aproximando do público nas ruas. O desfile de 2019 reuniu cerca de 10 mil pessoas, no domingo de pré-carnaval (24/02), na R. Sapucaí.

 

::Sobre Raga Mofe::

 

A banda, inclusive, tem orgulho de dizer que foi uma das pioneiras e responsáveis pelo resgate do gênero. O bloco surgiu como extensão do trabalho da banda em 2013 em Santa Tereza e, em seu repertório, resgata a década de 90 com músicas de consciência social e temas da época.

 

::Sobre Bateria Rapina FUMEC::

 

Bateria universitária de Engenharia e Arquitetura da FUMEC.

 

::Serviço::

 

Acústico de Verão Lab: Bateria Infernal

Quando: 19/01

Horário: de 15h às 22h

Onde: Lab BH (Avenida do Contorno, 6342 – Savassi. Esquina com Getúlio Vargas.)

Ingressos: https://www.sympla.com.br/acustico-de-verao-apresenta-bateria-infernal—1901—lab__752607

 

Acústico de Verão Lab: Joãozito e A Parceira

Quando: 26/01

Horário: 15h e 22h

Onde: Lab BH (Avenida do Contorno, 6342 – Savassi. Esquina com Getúlio Vargas.)

Ingressos: https://www.sympla.com.br/acustico-de-verao–a-parceria-domingo-2601-no-lab__752612

 

Acústico de Verão Lab: Raga Mofe

Quando: 02/02

Horário: 14h e 23h

Onde: Lab BH (Avenida do Contorno, 6342 – Savassi. Esquina com Getúlio Vargas.)

Ingressos: https://www.sympla.com.br/jameson-apresenta-acustico-de-verao—raga-mofe-02-de-fevreiro—lab__756570

 

Acústico de Verão Lab: Bloco dos Hermanos

Quando: 09/02

Horário: 15h e 22h

Onde: Lab BH (Avenida do Contorno, 6342 – Savassi. Esquina com Getúlio Vargas.)

Ingressos: https://www.sympla.com.br/acustico-de-verao—0902-com-bloco-dos-hermanos-no-lab__761474

 

Acústico de Verão Lab: CEFET com Banana e Rapina

Quando: 16/02

Horário: 14h e 22h

Onde: Lab BH (Avenida do Contorno, 6342 – Savassi. Esquina com Getúlio Vargas.)

Ingressos: https://www.sympla.com.br/acustico-de-vera0–1602-cefet-com-banana–bateria-rapina-fumec-no-lab__761483

 

Redes Sociais:

Instagram: @lab.bh / https://www.instagram.com/lab.bh/?hl=pt-br

Facebook: https://www.facebook.com/lab.bhz/

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here