Em dólar é mais barato: Brasileiros investem em mercados estrangeiros como opção durante a crise

0
540

Com a pandemia do novo coronavírus e a consequente crise econômica, muitos brasileiros enxergaram no mundo dos investimentos uma nova oportunidade para potencializar sua renda mensal. Através de apps de corretoras ou programas de computador, é possível investir até em mercados estrangeiros e com pouco dinheiro.

Uma das formas de investir é o chamado day trade, nome dado a operações de compra e venda de ativos financeiros (ações, fundos ou moedas) em um mesmo dia. Neste caso, o investidor ganha com as oscilações do mercado e os valores podem ser bastante expressivos:

“O day trade é uma modalidade muito ágil, tudo acontece muito rápido. Mas se você souber interpretar bem os gráficos – ou seja, entender as tendências de alta e baixa do mercado – você consegue se dar bem”, explica o trader e influenciador financeiro Marcelo Ferreira.

Marcelo opera day trade principalmente em mercados internacionais como o Forex (mercado mundial de moedas) e o HK50 (bolsa de Hong Kong). Ele chega a faturar 1 milhão de reais por semana, mas explica que essa cifra, apesar de representar uma semana de trabalho, é fruto de vários anos de profissão:

“Eu já atuo no mercado financeiro há mais de 20 anos e faço day trade há mais de 10. Eu só consigo chegar a esses valores altos de lucro porque pratiquei todo dia e estudei muito os gráficos do mercado durante mais de 20 anos. Mas acredite, tudo foi conquistado aos poucos. Não é loteria, é quase como um esporte da mente. Você tem que treinar e se dedicar”.

Para quem começa hoje, o primeiro passo é abrir uma conta em uma corretora de valores, o que também pode ser feito pelo computador, de forma simples. Algumas corretoras permitem abertura de conta com no mínimo 10 dólares (pouco mais de 50 reais). No caso de alguns mercados estrangeiros, como o Forex, não há valor mínimo para começar a investir.

“Ou seja, com 60 reais você pode perfeitamente começar a investir lá fora. Aquela ideia de que só os engravatados de Wall Street que podiam operar na bolsa, já era”, afirma Marcelo.
Mar o influenciador alerta que, assim como vários outros investimentos de renda variável (que não tem rendimentos fixos, como é o caso da poupança), o day trade tem seus riscos, aos quais o iniciante deve estar atento:

“O mais importante é ir com calma, não adianta investir mais do que você está disposto a perder. O lucro no day trade existe, mas ele é aos poucos. O maior erro do iniciante é querer ir com sede ao pote, e se perder. Com gerenciamento de risco e muito estudo, você consegue”, afirma Marcelo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here