BH recebe 39ª Grande Feira e Exposição Nacional de Orquídeas, de 12 a 14 de outubro

0
64

A novidade deste ano é que o evento será realizado na Serraria Souza Pinto, com mais espaço e conforto para visitantes e expositores; são mais de 50 mil plantas para compra direto do produtor e 700 orquídeas em exposição

Belo Horizonte será a capital nacional das orquídeas em outubro. Entre os dias 12 e 14, a cidade recebe a 39ª edição da Grande Feira e Exposição Nacional de Orquídeas. Organizada pela Associação Mineira de Orquidófilos (AMO) –com o apoio da Belotur– e tradicional na cidade, a feira vai reunir 30 expositores de várias regiões de Minas Gerais e outros Estados brasileiros, além de 26 estandes de vendas, com plantas e materiais para cultivo que vão direto do produtor para a casa dos compradores. O evento é aberto ao público, com entrada gratuita e acessível para deficientes.

A programação reúne opções que vão agradar toda a família: oficinas para crianças e adultos; quick massage; experiências sensoriais para deficientes visuais, promovidas em parceria com o Instituto São Rafael; espaço gourmet, que vai privilegiar os sabores da gastronomia mineira, em parceria com o Sebrae; exposições das fotos vencedoras do concurso de fotografias realizado em 2017 e uma nova disputa para eleger as imagens mais bonitas desta edição, parceria com o Pedro Cine Foto. A expectativa dos organizadores é superar o público presente em 2017, que foi de 12 mil pessoas.

De casa nova

Diferentemente das edições anteriores, o evento deste ano será na Serraria Souza Pinto. A área da exposição vai ganhar mais 200m² em relação ao ano passado e terá 500m². “A ideia é proporcionar um fluxo de pessoas mais livre. O espaço é todo plano e os visitantes terão ótimo acesso aos vendedores para apreciar as orquídeas e adquirir plantas diretamente do produtor, com ampla variedade de espécies e preços acessíveis. Além disso, nossos expositores terão mais infraestrutura de apoio para carga, descarga e montagem de estande e vamos ampliar o espaço de nossa área gourmet”, explica Denise Vasconcelos, presidente da AMO.

Orquídeas premiadas

A atração desta estação é a orquídea Cattleya warneri, que floresce na região Sudeste do país e é nativa de Minas Gerais e Espírito Santo. Haverá, ainda, a exposição de microorquídeas, outras espécies brasileiras, estrangeiras e plantas híbridas.

Além da Cattleya warneri, a feira vai colocar à disposição do público cerca de 50 mil orquídeas para compra. Já a exposição conta com 700 exemplares para contemplação. Depois de avaliadas por um corpo de jurados especialistas, as 15 melhores orquídeas serão premiadas por categoria e espécie, de acordo com os critérios da AMO. As vencedoras ficarão expostas em um pódio para que todos os visitantes possam apreciá-las e fotografá-las para participar do 3º concurso “Amo fotografar orquídeas”.

O concurso será realizado nos três dias da feira, em parceria com o Pedro Cine Foto. O participante vai retirar, no quiosque da marca, o cartão –um por pessoa- com as instruções e uma identidade para realização de login e cadastro por CPF e e-mail. Cada concorrente poderá fazer o upload de até três fotos pelo site www.amofotografarorquideas.com.br. São duas categorias: “celular” e “câmera fotográfica”. Os fotógrafos vencedores terão uma premiação surpresa, além de uma ampliação especial da foto e uma bela orquídea como presente. As fotos poderão ser feitas na exposição de orquídeas ou na feira, durante os três dias de evento.

Haverá votação pela internet, aberta ao público, e depois a escolha das fotos mais votadas, que será feita por um júri selecionado entre conhecedores de orquídeas da AMO e de fotografia, indicados pelo Pedro Cine Foto. Cada participante poderá escolher uma foto no site e solicitar uma ampliação na loja Pedro Cine Foto, que fica próximo à Serraria Souza Pinto. Poderá também imprimir as outras duas fotos de orquídeas no mesmo tamanho e ter desconto especial.

Orquídea na prática

Para atrair tanto o público que terá o primeiro contato com o cultivo da planta quanto orquidófilos experientes, a programação do evento traz uma variada lista de cursos e oficinas gratuitas, ministradas por especialistas.

Em comemoração ao Dia das Crianças, um dos destaques é a oficina “Minha primeira orquídea”. Focado no público infantil, o curso será ministrado por uma criança que já tem contato com o universo da espécie. A ideia é adotar uma linguagem familiar e lúdica para encantar os pequenos e atraí-los para o cultivo da planta desde cedo. Outro curso que promete atrair o público é o “Farmacinha da vovó em seu quintal” sobre o cultivo de plantas medicinais. “Ofereceremos uma experiência de contato com a natureza pautada por valores ambientais, cultura mineira, gastronomia e encanto com as orquídeas. Nosso objetivo é proporcionar às pessoas, além da tradicional visitação à feira e da oportunidade de aquisição de plantas direto o produtor, um final de semana com cultura e lazer para toda a família”, reforça Denise Vasconcelos.

Não é necessário se inscrever previamente. A programação completa de cursos será divulgada com antecedência e quem se interessar pode comparecer no local do evento no horário previsto para participar das oficinas.

Experiência sensorial

A AMO vai reeditar, ainda, um curso que ganhou destaque na exposição do ano passado. A “Oficina Sensorial de Orquídeas para Deficientes Visuais”, ofertada pelo Orquidário Warnerii, em parceria com o Instituto São Rafael, abre possibilidades para vivências mais democráticas em relação ao cultivo de orquídeas. “A ideia do curso é proporcionar um evento mais inclusivo e dar a oportunidade para pessoas com deficiência visual conhecerem a beleza das orquídeas e técnicas de cultivo”, explica Denise Vasconcelos.

O Instituto São Rafael também será parceiro da AMO para proporcionar aos visitantes da feira um momento zen. Ao longo do evento, o público poderá relaxar em sessões de quick massage, realizadas por profissionais com deficiência visual do instituto. A massagem é realizada com manobras adaptadas das técnicas orientais anmá e shiatsu e tem como objetivo proporcionar o relaxamento muscular em poucos minutos.

Espaço AMO Gourmet

A gastronomia mineira também vai marcar presença na Feira e Exposição Nacional de Orquídeas. O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), parceiro da AMO no evento, está selecionando oito expositores que vão compartilhar os sabores originais de Minas com os visitantes. Produtos artesanais, como café, queijo, cachaça, goiabada e doce de leite, poderão ser adquiridos durante a feira.

Sobre a AMO

A Associação Mineira de Orquidófilos (AMO), fundada em 12 de abril de 1978, é uma entidade não governamental de utilidade pública municipal e estadual, sem fins lucrativos. A AMO congrega orquidófilos, orquidólogos e pessoas interessadas em orquídeas para cultivo e preservação no meio ambiente. A finalidade da Associação é o desenvolvimento da orquidofilia, visando principalmente a preservação das espécies da família orquidáceas, em orquidários e em seu habitat natural, estimulando a consciência e valores ambientais.

Serviço: 39ª Feira Nacional de Orquídeas

Local: Serraria Souza Pinto (av. Assis Chateaubriand, 809 – Centro, Belo Horizonte)

Data: 12, 13 e 14 de outubro

Horários: Sexta e sábado, de 9h às 18h; e domingo, de 9h às 17h

Entrada Gratuita

www.facebook.com/amoorquideasbh

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here